APOIOS & PRÊMIOS

Os periódicos do PPGAC contaram, em seu início, com Prêmio para Projetos de Extensão da Fundação de Apoio à Pesquisa e Extensão – FAPEX – e parceria com a UNEB e, de 2003 a 2006, com apoio da Secretaria da Cultura. O Instituto Cultural Brasil-Alemanha – Instituto Goethe – tem facultado o uso de suas instalações, equipamentos e serviços para o PPGAC, assim como os mais importantes teatros da cidade (Castro Alves, Vila Velha, SESI, SESC/ SENAC, Xisto Bahia, Gamboa Nova, XVIII) e diversas instituições da área cultural de Salvador (Museu Rodin Palacete das Artes, Fundação Pedro Calmon, Fundação Cultural do Estado da Bahia).

O PPGAC/ UFBA recebeu dois Prêmios de tese CAPES por dois anos consecutivos: em 2013, com a tese “Martim Gonçalves – uma Escola de Teatro contra a província”, de autoria de Jussilene Santana do Nascimento, sob a orientação do professor Doutor Edwald Hackler; e em 2014 com a tese “Práxis cênica como articulação de visualidade: a luz na gênese do espetáculo”, de autoria de Eduardo Augusto da Silva Tudella, sob também a orientação do professor Doutor Edwald Hackler.

Duas teses mereceram “Menção Honrosa” do Prêmio de tese CAPES, a de autoria de Larissa Latif (hoje, professora da Universidade do Aveiro, Portugal), em 2007; e a de autoria de Alexandra Gouvêa Dumas (hoje professora da Universidade Federal de Aracaju), em 2012.

 

21º Prêmio Braskem 2013

Em 2013, atores, atrizes, ex-estudantes, estudantes e professores da Escola de Teatro ganharam o Prêmio Braskem em diversas categorias, a seguir: melhor espetáculo adulto “Longa Jornada Noite Adentro” e melhor Diretor deste espetáculo Harildo Deda; melhor texto “Casulo” por Ângelo Flávio; melhor atriz Joana Schnitman da Cia de Teatro da UFBA; melhor ator Claudio Machado no espetáculo “Destinatário Desconhecido”; Amaurih Oliveira como ator revelação no espetáculo “Éramos Gays” e Eduardo Tudella na categoria especial pela iluminação e cenografia do espetáculo “Longa Jornada Noite Adentro”.